Dinheiro/ Foto: ilustrativa/ Reprodução Google

A vítima ao ir no cabo Bradesco, descobriu que havia um empréstimo em seu nome, coisa que ela não fez

A vítima, uma senhora de 67 anos, esteve na Delegacia onde disse que realizou a prova de vida exigida pelo bando, no mês de agosto.

Segundo a senhora, depois de ir na agência bancária descobriu que havia um empréstimo em seu nome, sem sua autorização.

De acordo com a vítima, o valor do empréstimo foi R$ 466,9300 (Quatrocentos e Sessenta e Seis e Noventa e Três Centavos), dividido em 72 parcelas.

A vítima disse que nunca mandou ou autorizou qualquer empréstimo na agência Bradesco em seu nome.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui