Imagem cortesia
Imagem cortesia

O povo fala que é vingança porque a prefeita perdeu a eleição este ano.

O município de Passira situado no Agreste Pernambucano está sem pagar a ninguém da educação e servidores público inativos neste mês de dezembro de 2020, inclusive a folha salarial do mês de dezembro também não foi paga até o presente momento nem tão pouco o décimo terceiro salário dos servidores público, mostrando com isso um total desrespeito com a administração pública e servidores, inclusive podendo incorrer no crime de improbidade administrativa, que é o não cumprimento do orçamento deste ano que foi votado pela câmara de vereadores no ano de 2019.

Rádio Livre FM 90.7

É uma situação tão crítica que está afetando diretamente o comércio local que gira em torno do dinheiro público pago aos funcionários ligado à prefeitura, como não bastasse a situação lamentável que Passira vem passando, o Secretário de Finança, responsável pelos pagamentos, não atende e nem dá uma satisfação ao público. 

Foi tentado entrar em contato em ligação e pelo  WhatsApp com a prefeita Renya Carla, que não foi eleita e deixa o cargo no dia 31 deste mês, mas não obtivemos êxito e nem retorno das chamadas.

Desta feita, o povo está se perguntando, tudo isso que está acontecendo será uma forma da prefeita se vingar porque perdeu a eleição este ano? Fica a pergunta.

Por Rodolfo Silva

Sites Parceiros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui