Foto: Ana Paula Figueirêdo

Conversa tratou dos esforços da gestão municipal pela regularização fundiária

O prefeito de Gravatá, Joselito Gomes, recebeu moradores da comunidade Sol Nascente, na tarde desta quinta (09), no gabinete do Paço Municipal.

A conversa teve a participação também do diretor de Meio Ambiente de Gravatá, Marconi Torres, e dos vereadores Gil Dantas e Bruno Sales, que considerou: “é importante destacar que o poder executivo está à frente dessas famílias que estão nessa localidade. Importante destacar também que essas famílias precisam de apoio e é isso o que a gente vem buscar. Espero que depois dessa reunião se torne tudo tranquilo e aquelas famílias tenham o direito à sua casa de verdade”.

(Alaine Diane – Autônoma)

Alaine Diane, de 27 anos, autônoma, falou em nome dos moradores da comunidade. “Achei essa conversa hoje muito boa, produtiva, significa que vai sair do papel o que queremos, que é a posse da Área Verde, que já está no domínio do prefeito. Ajudar a gente no mapeamento de área particular para ver como pode ajudar a gente. Hoje, são em média 80 famílias que moram na localidade”.

(Joselito Gomes – Prefeito de Gravatá)

O prefeito Joselito Gomes destacou que a demanda terá atenção por parte do executivo municipal. “Nós ouvimos com bastante atenção a preocupação dos moradores do Sol Nascente e o primeiro passo agora é fazer um levantamento minucioso para de fato saber a quem pertence o terreno, o que é Área Verde e o que é propriedade privada e quem diz ser o dono dessa propriedade pode se apresentar com a documentação que comprove. A partir daí, essas famílias começam a se sentir seguras. Já temos no município um programa de regularização fundiária, que iniciamos a entrega dos títulos de propriedade no Porta Florada e estamos seguindo com esse programa chegando a outros bairros e inclusive na zona rural. Nosso desejo é corrigir uma série de situações que temos aqui, principalmente no que diz respeito à moradia, já que hoje o déficit de moradia no município é grande e o maior desejo de uma família é ter sua casa própria. Estamos fazendo esse esforço em Gravatá, porque nosso compromisso é com as pessoas”.

Reportagem e fotos: Ana Paula Figueirêdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui