O autor do crime ainda pediu aos policiais para eles deixar ele terminar de matar a vítima

Na tarde deste sábado (01/4), por volta das 13h10min, policiais militares da GT 14, Sargento Márcio Barbosa e o Cabo Rubenildo da 5ª CIPM, conseguiram evitar um crime de morte na rua Alto do Quirino, bairro da Vista em Gravatá, Agreste de Pernambuco.

Rádio Livre FM 90.7

Conforme a equipe da PM ao realizarem rondas nas proximidades do local do fato, foram informados de que um homem estaria tentando matar outro a golpes de faca. Rapidamente o Sargento Márcio Barbosa e o Cabo Rubenildo seguiram ao local onde encontraram o autor de iniciais D. A. de S., 22 anos, com uma faca peixeira na mão.

Segundo os policiais, o autor já havia quebrado uma faca de mesa no corpo da vítima, identificada como Edmilson Elias, de 22 anos, e mesmo o (D.A) recebendo voz de prisão ainda pediu para a polícia deixar ele terminar de matar a vítima.

A polícia informou que Elias foi perfurado cinco vezes, sendo que uma das facadas atingiu o pescoço, e que ele não morreu porque a faca quebrou ao perfurar a traqueia.

De acordo com os policiais, a motivação teria sido por conta de uma discussão ocorrida um dia antes, quando os dois estavam ingerindo bebida alcoólica. A vítima de posse de uma faca no dia de hoje foi a casa do autor tomar satisfação, foi quando (D.A) tomou a faca e passou a desferir golpes contra a vítima. Ainda segundo a polícia, o rapaz vendo que a faca havia quebrado, foi em casa e pegou uma faca peixeira para terminar de matar a vítima.

O Elias foi socorrido para o hospital local, onde em seguida teve que ser transferido para o hospital Otávio de Freitas em Recife.

Os policiais conduziram o autor a delegacia da cidade, onde foi lavrado apenas um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência), sendo o mesmo liberado em seguida.

Sites Parceiros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui