Severino José Ferreira/ Aposentado de 70 anos/ Sendo vacinado/ Foto: (Ednaldo Lourenço)
Severino José Ferreira/ Aposentado de 70 anos/ Sendo vacinado/ Foto: (Ednaldo Lourenço)

 Imunização segue com a vacinação dos grupos anteriores em paralelo com essa nova etapa e alcança toda população da cidade

A Unidade Básica de Saúde (UBS) de Mandacaru recebeu os idosos de 65 anos ou mais para receberem a primeira dose da vacina produzida pelo Butantan, CoronaVac, que foi desenvolvida em parceria com o laboratório chinês Sinovac. 

Rádio Livre FM 90.7

Os atendimentos foram gerados por meio de agendamento com as Agentes Comunitárias de Saúde (ACS) que realizaram levantamento dos idosos que atendem a essa faixa etária.

Maria do Carmo Batista/ Agente Comunitária de Saúde de Mandacaru
Maria do Carmo Batista/ Agente Comunitária de Saúde de Mandacaru

Maria do Carmo Batista é uma das ACS de Mandacaru e ela explicou que “nós trabalhamos em duas frentes: na primeira, vamos nas casas dos moradores, vemos a faixa etária e marcamos a vacinação na unidade de saúde caso a pessoa esteja naquela idade contemplada. A segunda frente é caso o paciente tenha dificuldade de locomoção, nós levamos a estrutura com a equipe responsável pela imunização e a pessoa é vacinada na casa dela”, pontuou.  

Adenice Bezerra da Silva/ Agricultora
Adenice Bezerra da Silva/ Agricultora

A agricultora Adenice Bezerra da Silva levou as duas tias para serem vacinadas na UBS e ela falou que “eu achei muito bom porque a gente precisa cuidar delas. O prefeito está de parabéns em colocar essa vacinação aqui, pois estamos numa fase bastante perigosa dessa pandemia e sempre tomamos os cuidados para a gente que vai pra rua não levar doença para elas que ficam em casa. Com essa vacina ficamos mais aliviados”. 

Severino José Ferreira/ Aposentado de 70 anos
Severino José Ferreira/ Aposentado de 70 anos

O eletricista aposentado Severino José Ferreira, de 70 anos, foi um dos que recebeu a vacina e disse: “essa imunização é muito valiosa pra gente e espero que todos sejam conscientes de tomar a vacina, porque alguns desprezam ou ficam na dúvida. A prefeitura teve uma boa ideia em levar também para as pessoas que moram nos sítios.  O meu pai com 90 anos foi um deles, que mesmo não podendo sair de casa, recebeu a vacina”.

O Plano Municipal de Imunização contra COVID-19 de Gravatá segue nas unidades de saúde do município, além do drive-thru, que fica no Pátio de Eventos. O agendamento é feito pelo aplicativo Conecta Gravatá nos smartphones Android, ou pelo site www.conectagravata.com.br que pode ser acessado pelos telefones IOS (IPhone) ou pelo computador. 

Reportagem: Ana Paula Figueirêdo

Fotos: Ednaldo Lourenço

Sites Parceiros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui