Foto: cortesia da Vigilância em Saúde

A ação reforçou a importância do diagnóstico precoce da hanseníase, ressaltando que a doença possui um tratamento eficaz e até mesmo recuperação sem sequelas

A Prefeitura de Gravatá, por meio da Secretaria de Saúde, intermediada pela Vigilância em Saúde com as equipes multidisciplinar e atenção básica, promoveu uma significativa ação em alusão ao Janeiro Roxo que é direcionada à conscientização sobre a Hanseníase. Esta iniciativa abraçou diversas Unidades de Saúde da Família, sendo destacado no Posto 1 como protagonista desta importante jornada de informação e cuidado.

Rádio Livre FM 90.7

Dra. Alba Meireles, médica de referência do programa de Hanseníase do município, conduziu uma esclarecedora palestra, visando conscientizar a população sobre a doença, promover o diagnóstico precoce e combater o preconceito frequentemente associado a ela. O evento não se limitou às palavras; foram oferecidos atendimentos a pacientes já em tratamento, sessões de auriculoterapia, atividades físicas e palestras com uma renomada nutricionista.

A ação reforçou a importância do diagnóstico precoce da hanseníase, ressaltando que a doença possui um tratamento eficaz, e quanto antes identificada, melhores são as perspectivas de recuperação sem sequelas.

Reportagem: Mathilde Souza com contribuição da Vigilância em Saúde
Fotos: cortesia da Vigilância em Saúde

Sites Parceiros

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui