Imagem Ilustrativa

O funcionário já havia comprado duas motos e outros objetos com dinheiro do furto

Policiais militares foram acionados para se deslocarem até a rua Izaltino Poggi, em Gravatá, Agreste de Pernambuco, onde de acordo com a central de radia da 5ª CIPM, policiais do serviço de inteligência da mesma companhia haviam detido um homem acusado de furtar vários objetos da loja onde trabalhava. O homem de 23 anos, confessou o crime e foi conduzido a Delegacia.

Segundo os policiais, os proprietários da loja teriam percebido que algumas joias estavam desaparecendo, e assim passaram a verificar as imagens das câmeras de segurança do local, percebendo então que os produtos estavam sendo furtados pelo funcionário (P. H. F. M), que o mesmo teria praticado o ato diversas vezes.

A equipe da PM passou a indagar o suspeito sobre o fato, onde o mesmo confessou o crime, informando que teria furtado e vendido a pessoas em Recife, relatando apenas o nome de um dos compradores, um tal de Junior. Ele ainda relatou que vendeu alguns produtos também há uma pessoa de Gravatá.

De acordo com os policiais militares, o imputado confessou que com o dinheiro dos furtos feitos na loja, havia comprado duas motocicletas, confessando também que era usuário de drogas. A equipe da PM foi até a casa do indivíduo, onde encontraram 35 gramas de maconha, e alguns objetos furtados da loja.

Com ele os policiais apreenderam, três motocicletas; sendo uma Honda/NXR 160 Bros cor Branca, uma Honda/CG 160 Titan cor Preta, uma Honda/CG 150 de cor Verde, uma bicicleta tipo Southbike, de cor verde, além de celular, joias, aparelho de som, e nove relógios.

O homem foi conduzido a delegacia de Gravatá, juntamente com os objetos que estavam com ele, e o que havia comprado com dinheiro do furto. Na DP ele foi autuado em flagrante delito pelo o crime de furto qualificado e posse de entorpecentes.

Fato ocorrido no dia (26/11/21) por volta das 09h00. Os proprietários da loja não informaram o tamanho do prejuízo causado pelo funcionário.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui